Escolha uma Página

Rede Lado

mar 10, 2021

STF adia decisão sobre suspeição de Moro após pedido de vista de Kássio Nunes

Nova sessão do julgamento ainda não tem data.  Na última terça-feira (09), o Supremo Tribunal Federal começou a primeira parte do julgamento que analisa a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro…

Nova sessão do julgamento ainda não tem data. 

Na última terça-feira (09), o Supremo Tribunal Federal começou a primeira parte do julgamento que analisa a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro nos processos que envolvem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A sessão terminou com dois votos favoráveis à condenação de Moro.

O ministro do STF, Kássio Marques, pediu vista do processo, alegando não nunca acessou o processo.

A defesa de Lula apresentou em 2018 um pedido para que o STF analisasse a suspeição do ex-juiz, à época, os ministros Edson Fachin e Carmen Lúcia votaram contra.

Depois de novos desdobramentos, como a Operação Spoofing, que tornou públicas conversas íntimas do ex-magistrado e procuradores da Lava Jato com os acusadores de Lula.

Na segunda-feira, o ministro Edson Fachin, em decisão monocrática, anulou as condenações feitas contra Lula e declarou incompetência da 13° vara de Curitiba.

Carmen Lúcia e Edson Fachin pediram para reapresentar seus votos e podem mudar de ideia. O placar está 2 a 2 e, teoricamente, o ministro Kássio Marques quem faria o desempate, porém, os outros dois ministros podem trocar os votos. Não há data para retomar o julgamento.

Fonte: Folha de S. Paulo, Brasil de Fato 
Foto: Marcello Casal Jr./ Agência Brasil